COMPARATIVO

Fiat Strada Adventure - Cabine estendida ou dupla, qual levar?

As duas configurações chamam a atenção do público jovem, mas se você pensa em ter uma, veja qual delas combina mais com as suas necessidades

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 15/06/2012 18:58 / atualizado em 19/06/2012 20:30 Marcello Oliveira /Portal Vrum

Marcello Oliveira/EM/D.A PRESS
A linha 2013 da picape Strada começa a chegar às revendas Fiat nas próximas semanas com pequenas mudanças no visual, frustrando o público que esperava uma nova geração completamente nova, a exemplo do que ocorreu com o Palio no ano passado.

 

Enquanto a rede não recebe os modelos 2013, concessionárias de todo o Brasil liquidam o estoque 2012/2012. Um exemplo é a revenda Strada, de Belo Horizonte, que possui cinco unidades da versão cabine estendida e quatro da picape cabine dupla, com valores que variam entre R$ 45 e R$ 52 mil.

 

Clique aqui e veja mais fotos e informações do Fiat Strada Adventure cabine dupla e estendida!


A Strada Adventure foca o público jovem, que usa a picape como um carro de passeio comum. Com uma diferença de quatro mil reais entre as versões com cabine simples e cabine dupla, vem a dúvida: qual comprar? O Vrum colocou as duas opções frente a frente.


Lançada em 1998, a picape Strada ganhou a versão Adventure apenas em 2001. A cabine dupla só veio em 2009, para conquistar os que sempre gostaram do estilo da Strada mas, vez ou outra, precisa levar um 3º ou 4º ocupante.


Espaço

Para o motorista e para quem vai ao lado, o espaço é o mesmo nas duas configurações. Na cabine dupla, vão quatro pessoas. Os dois passageiros traseiros não encontram o mesmo conforto de um automóvel, mas se o motorista e passageiro dianteiro não forem muito altos, a vida lá trás até que não é muito difícil. O vão de carga da Strada cabine estendida comporta 830 litros, enquanto a dupla teve a capacidade reduzida para 580 litros, cedendo lugar à cabine, que foi alongada em 20 cm para levar mais duas pessoas. Quando o assunto é o peso suportado, a dupla carrega 650 kg e a estendida pode transportar até 35kg a mais.

A Adventure cabine dupla leva quatro pessoas... - Marlos Ney Vidal/EM/D.A PRESS A Adventure cabine dupla leva quatro pessoas...
... e na cabine estendida há opção de acomodar o estepe, mas ainda sobra espaço para pequenos objetos - Marlos Ney Vidal/EM/D.A PRESS ... e na cabine estendida há opção de acomodar o estepe, mas ainda sobra espaço para pequenos objetos


Se você pretende uma picape para levar a moto de trilha, esqueça a cabine dupla, que comporta apenas uma bicicleta, mesmo assim só tirando a roda dianteira. A cabine estendida comporta bem duas bikes sem precisar retirar as rodas e até uma moto é possível levar, mas com a roda traseira apoiada na tampa da caçamba, que deverá estar sempre fechada.

O estepe da versão cabine estendida fica do lado esquerdo da caçamba, enquanto na cabine dupla ele se posiciona no centro do vão de carga - Marcello Oliveira/EM/D.A PRESS O estepe da versão cabine estendida fica do lado esquerdo da caçamba, enquanto na cabine dupla ele se posiciona no centro do vão de carga


Suspensão

Para aproximar ao máximo a Strada cabine dupla de um automóvel de passeio (Desde que as caminhonetes pequenas passaram a ser usadas como carros de passeio, o objetivo dos fabricantes é esse), a Fiat recalibrou todos os amortecedores. Na traseira, as molas são mais flexíveis, privilegiando o conforto. Na prática é perceptível a diferença. Enquanto a Adventure cabine estendida pula muito no solo irregular, a cabine dupla é mais suave e faz curvas com mais segurança.


Se no asfalto ela parece ser desajeitada, é na terra que a Adventure se encontra. Longos trechos de lama, cascalho, pedras, terra e eté terrenos alagados são superados com certa facilidade. Por R$ 1.430 é possível levar o opcional Locker, um bloqueio de diferencial, que faz com que a roda com menos aderência gire rapidamente porque absorve toda a força (torque) do sistema, enquanto a outra fica parada. O sistema Locker anula o funcionamento do diferencial, o torque se iguala entre os dois semi-eixos. Isso possibilita que a roda com mais aderência gire e o carro saia do atoleiro.

Na terra, ambas se saem muito bem - Marlos Ney Vidal/EM/D.A PRESS Na terra, ambas se saem muito bem


Para ativar o sistema, basta pressionar a tecla no painel. Para isso, é preciso que o veículo esteja parado e o motorista com o pé no freio. O sistema é usado em situação extrema e até a velocidade máxima de 20 km/h. Acima disso, a desativação ocorre de maneira automática. Porém, como as picapes pequenas são cada vez mais usadas como carros de passeio, vai ser difícil um 'aventureiro urbano' precisar desse recurso.

Rodas de liga leve aro 15 são de série. A partir da versão 2013, há opção de rodas de 16 polegadas - Marcello Oliveira/EM/D.A PRESS Rodas de liga leve aro 15 são de série. A partir da versão 2013, há opção de rodas de 16 polegadas


Câmbio

O sistema é o mesmo nas duas configurações, com bons engates, mas longe de ser referência em prazer ao dirigir, como é o da concorrente Saveiro.


Estilo

A Strada Adventure é um projeto desenvolvido pelo Centro Estilo Fiat para a América Latina, único da marca fora da Itália. Quando lançaram a última geração, a versão Adventure caiu como uma luva, com desenho harmônico. A ideia de uma cabine dupla parecia colocar toda a genialidade dos designers da Fiat no lixo, mas quando o esboço virou realidade, o resultado surpreendeu, e a Strada cabine dupla agradou no visual.

Marcello Oliveira/EM/D.A PRESS


Ergonomia

Não é o forte da Strada. O projeto da picape é antigo, de 1999, baseado no Palio, de 1996, e não melhoraram a posição de dirigir até hoje. O assento elevado pode agradar os mais baixinhos, mas quem tem mais de 1,80m sofre pela falta de regulagem de altura do banco.

Sistema de som e revestimentos dos bancos e volante em couro são opcionais. Principais comandos estão ao alcance do condutor - Marlos Ney Vidal/EM/D.A PRESS Sistema de som e revestimentos dos bancos e volante em couro são opcionais. Principais comandos estão ao alcance do condutor


Desempenho

Desde que ganhou o motor E.torQ 1.8 16V, a picape esbanja potência, em muitas situações dá a impressão de até sobrar fôlego. São 132 cv quando abastecida com etanol e 130 cv com gasolina, atingindo o torque máximo de 18,4 Kgfm (gasolina) e 18,9 Kgfm (etanol) aos 4.500 rpm.


Toda essa disposição não vem de graça. Mesmo com um propulsor que chegou prometendo consumir menos do que o antigo 1.8 GM, economia não é a palavra certa para defini-lo. Com gasolina, a Adventure roda em média 8,5 km/l, já com etanol, faz míseros 6,5 km/l no trânsito urbano.

Painel da Strada 2013 foi atualizado. Destaque para o volante - Fiat/Divulgação Painel da Strada 2013 foi atualizado. Destaque para o volante


Segurança

Airbag duplo frontal e freios com sistema ABS são de série na linha Adventure e todos os ocupantes contam com cintos de segurança retráteis de três pontos. Com o centro de gravidade elevado por causa da suspensão alta, a carroceria inclina demais nas frenagens da versão cabine estendida.


Valores

Pagar até R$ 58 mil em uma picape compacta quando a nova Chevrolet S10 custa a partir de R$ 56 mil pode fazer alguns interessados mudarem de ideia. Com a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), o valor de tabela da Adventure parte dos R$ 47 mil na versão cabine estendida e chega aos R$ 55,7 mil com todos os opcionais disponíveis. A cabine dupla parte dos R$ 51,4 mil e vai aos 59,3 mil com todos os equipamentos. O câmbio automatiazado dualogic, opcional apenas para a versão cabine dupla, aumenta R$ 2.570 no valor final. Nesse caso, há também aletas atrás do volante para trocas de marchas manuais.


Entre os opcionais disponíveis pela fábrica estão teto solar (R$ 827), bancos de couro (R$ 1.189 para a cabine estendida e R$ 1.913 para a cabine dupla), kit high tech (sensor de chuva, retrovisor interno eletrocrômico e sensor crepuscular - R$ 672), entre outros itens.

Linha 2013 da Strada deve chegar em breve nas concessionárias Fiat, quase sem nenhuma mudança estética - Fiat/Divulgação Linha 2013 da Strada deve chegar em breve nas concessionárias Fiat, quase sem nenhuma mudança estética

Tags:

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
 
jairo
jairo - 19 de Junho às 16:04
meu Deussssss.........que carros caros,caros,caros......O Brasil/Governo deveria pensar imediatamente na renovação da frota urgente,mas ajudando o povo com carros mais baratos,em vez das montadoras
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca
Erro ao renderizar o portlet: Box - Ultimas Noticias

Erro: Não foi possível listar conteudo: hash não existente. (Environ:UserError)