Salão de São Paulo

Salão do Automóvel chega ao fim

As apostas para 2019 saíram do forno e assim como os conceitos futuristas, as promessas das montadoras viraram realidade

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 19/11/2018 08:34 / atualizado em 19/11/2018 10:51 Thays Martins /Diario de Pernambuco


Accord da Honda com lançamento ainda este ano ao preço de R$ 198.500. Foto: Jorge Moraes / DP - Accord da Honda com lançamento ainda este ano ao preço de R$ 198.500. Foto: Jorge Moraes / DP
 
No Salão do Automóvel de São Paulo de 2018 foi possível conhecer promessas de chegada para o próximo ano, como o Q8, novo SUV da Audi equipado com motor 3.0 e V6 TFSI. Além das novidades tradicionais, as montadoras apostaram no carro do futuro, ou seja, os automóveis movidos a energia elétrica. 

Os verdinhos tomaram conta do Salão através a potência do motor e cavalos oferecidos pelos modelos expostos, além de sugestão de preços competitivos de mercado para seguir em ascensão por aqui. 

Um veículo marcante para a categoria de carros futuristas foi o Symbioz, o conceito da Renault com aparência totalmente inovadora. Com sistema autônomo de condução, o carro transforma-se em um verdadeiro escritório móvel. Além do sistema autônomo, a tecnologia fica por conta das telas integradas ao cinto, que permite que o passageiro controle ar-condicionado, áudio, som, entre outras funções. A motorização do Symbioz é composta por dois motores elétricos, localizados na traseira, que permite ir de 0 a 100km/h em 6 s. O Symbioz chega a 490 cavalos de potência e 56,1 m.kgf de torque, embora os dois motores possam alcançar 680 cavalos e 67,3 m.kgf.


Modelo possui semelhanças com o Ford Ka Freestyle. Foto: Ford / Divulgação - Modelo possui semelhanças com o Ford Ka Freestyle. Foto: Ford / Divulgação
O Salão do Automóvel deste ano também deixou expectativas para a chegada de conceito para o mercado brasileiro em 2019, o Ford KA Urban Warrior, que está mais para um Ka Freestyle em versão sedã. Com semelhanças nas linhas e design do hatch, o conceito chegou ao Salão com aparência de veículo de produção. Seu motor é de 1.5, com 136 cavalos associado, a princípio,  ao câmbio manual de cinco marchas. Na área interna, o veículo traz banco em couro e central multimídia equipada com uma tela e 6,5 polegadas. Caso o público goste do novo Ford, há grandes chances do modelo ser fabricado e comercializado. 

Já o destaque da Honda ficou por conta do Accord, que será equipado com sistema de condução que aumenta a segurança do veículo. Em sua nova versão, o motor V6 deu vez ao inédito 2.0 turbo VTEC com 255 cavalos e 37,7 kgfm de torque ligado ao câmbio automático de dez marchas, perfeito para os amantes da velocidade. A promessa da Honda é que a máquina seja lançada ainda este ano com o preço de R$ 198.500.


Equipado com dois motores que podem alcançar uma potência total de 680 cv. Foto: Renault / Divulgação - Equipado com dois motores que podem alcançar uma potência total de 680 cv. Foto: Renault / Divulgação
Para o Salão do Automóvel de São Paulo de 2020, a promessa está nos modelos híbridos e elétricos, que já devem ter um mercado consolidado e podem dominar ainda mais o evento. Algumas das tecnologias inovadoras ficam por conta da Volkswagen, que traçou um planejamento para lançar 20 modelos até 2020 (ano do próximo Salão) veículos com funcionamento elétrico e ausência de motor a combustão, além de uma Van que promete ser um tipo de Kombi futurista, uma versão “2.0” do consagrado modelo. O ano de 2020 garante abrigar um Salão do Automóvel de São Paulo que pode ficar para a história do evento.
 

Encontre seu veículo

Veículos

Últimas notícias

ver todas
18 de dezembro de 2018
17 de dezembro de 2018