Publicidade

Estado de Minas MUDANÇAS

Thierry Bolloré substitui Carlos Ghosn e é o novo CEO da Renault

Ghosn está preso e renunciou ao cargo nas últimas semanas


postado em 28/01/2019 17:04

A Renault anunciou mudanças. Com a renúncia de Carlos Ghosn, a empresa francesa resolveu dissociar as atribuições de presidente do conelho administrativo e CEO da montadora. Dessa forma, Jean-Dominique Senard e Thierry Bolloré ocupam os dois cargos, respectivamente.

A função dos dois cargos são claras. Ocupar a presidência do conselho é ser responsável por supervisionar o funcionamento da Aliança Renault-Nissan e ser o principal interlocutor com os outros parceiros da Aliança, como a Nissan e a Mitsubishi. Já a função de CEO significa comandar a empresa nos campos operacionais. Os dois cargos eram acumulados por Carlos Ghosn, que está preso no Japão acusado de fraude desde o ano passado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade