Publicidade

Estado de Minas

RAV4 híbrida está chegando

SUV médio entra no mercado brasileiro nos próximos meses como aposta da Toyota para movimentar o mercado da América do Sul


postado em 29/03/2019 10:48 / atualizado em 29/03/2019 11:23

(foto: Toyota / Divulgacao)
(foto: Toyota / Divulgacao)
 

 

Não conte à Toyota que a gente revelou o segredinho deles, mas pode anotar na agenda. A quinta geração do SUV médio RAV4, apresentada globalmente no Salão de Nova York, há um ano, chega em junho. A proposta da montadora é já usar o segundo semestre para faturar o máximo possível de unidades do novo modelo, que será vendido em sua versão mais completa (e mais cara) num primeiro momento, para salvar o caixa do ano.

A Toyota já avisou que 2019 será um ano de crescimento mínimo na América do Sul e Brasil, mas o RAV4 2020 pode melhorar esse dado, ao lado do novo Corolla que também deve entrar no mercado até o fim do ano. Também se espera, dentro do escritórios dos executivos da marca, que a chegada da dupla esfrie os ânimos da concorrência, que também se movimenta ao longo de 2019. A rival Honda confirmou na quarta-feira que pretende trazer três híbridos até 2023 -- quando chegarem, terão os modelos da Toyota já consolidados no mercado.

 

(foto: Toyota / Divulgacao)
(foto: Toyota / Divulgacao)
 

 

Está certo que o RAV4 só chega importado na configuração topo de gama, Limited, com motorização híbrida. Será o único pacote a ser colocado à venda no Brasil. Ponto. No caso do Corolla, as primeiras vendas, realizadas nos últimos três meses de 2019 serão apenas da configuração topo de gama, também com motorização híbrida. Este modelo nacional será quase um "clone" do sedã europeu, em termos de visual e equipamento. Quase, porque teremos o motor híbrido flex. Versões complementares, de entrada, intermediária e não-híbridas para o Corolla, só ao longo de 2020.

 

(foto: Toyota / Divulgacao)
(foto: Toyota / Divulgacao)
 

 

Como é o RAV4 Hybrid?
Nos mercados onde já roda, o novo RAV4 Hybrid Limited usa o motor 2.5, quatro cilindros, a gasolina, gerando 219 cv na configuração FWD, com 222 cv para o de tração integral (AWD). Configuração híbrida 2.0 ainda está no forno. Para o 2.5 Hybrid, a promessa da Toyota é de 17 km/l de consumo, com 0-100 km/h em 8,5 segundos, um ótimo número. Também feito sobre a plataforma TNGA, mas na especificação K, o RAV4 de quinta geração cresce para 4,60 m de comprimento, 2,69 m de entre-eixos, 1,85 m de largura, com 580 litros de porta-malas. TSS também está incluso no pacote.

E os preços?
Isso ainda não está definido. No exterior, o RAV4 Hybrid de topo cista US$ 35.700 (algo como R$ 143 mil limpos). O RAV4 atual sai por R$ 130 mil no Brasil. Mas, segundo concessionários, podemos aguardar valores acima por volta dos R$ 180 mil para o novo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade